Teresa Levin

Se o consumidor é o foco, o incremento da experiência que as marcas têm com ele aparece como objetivo de muitos anunciantes para o ano. Ao mesmo tempo, a inovação tecnológica é citada como um investimento crescente para o desenvolvimento de novos produtos e, consequentemente, a conquista de mercado e reforço da presença junto aos clientes. Com a concorrência cada vez mais acirrada em alguns segmentos, os maiores anunciantes do País revelam alguns passos que nortearão suas estratégias em 2019 para incrementar os resultados.

No caso do Boticário, assuntos que estão no cerne de seu trabalho são a inovação e o uso de novas tecnologias, cada vez mais em alta no mercado de beleza. “Sempre investiremos nisso, em lançamentos relevantes, produtos de alta qualidade, sustentáveis, que tragam para o brasileiro o que há de melhor e mais inovador no mercado da beleza, além de experiências únicas”, explica Alexandre Bouza, diretor de marketing de O Boticário. Foi com isso em mente que o anunciante lançou este ano O Boticário LAB, em Curitiba, ponto de venda diferenciado no qual aplica a tecnologia para proporcionar uma imersão nos segredos e história da marca. Nesta linha, o executivo antecipa que outras ações serão realizadas, sem revelar detalhes dos projetos. “O consumidor do Boticário terá muitas surpresas boas, sempre envolvendo inovação, tecnologia relevante para ele e, sobretudo, produtos feitos com muito amor”, fala.

Também apostando em inovação, a P&G inaugurou seu primeiro Centro de Inovação na América Latina, em maio, localizado em Louveira, na região de Campinas. Com o espaço, a ideia é incrementar o portfólio e lançar produtos de forma mais ágil e assertiva, além de ter a possibilidade de conhecer mais o consumidor brasileiro, por meio de experimentos, e, assim, criar soluções para suas necessidades. O Brasil é o terceiro maior mercado de consumo para a P&G e um dos 10 principais negócios para a companhia globalmente. Inovação também está no foco do Sistema Coca-Cola Brasil em 2019, para ampliar seu portfólio e atingir o objetivo de ajudar a coletar e reciclar o equivalente a 100% de suas embalagens até 2030. O anunciante manteve o nível de investimentos de aproximadamente R$ 3 bilhões em 2019 no mercado brasileiro.

Alex Rocco, diretor de marketing da Sky (Crédito: Divulgação)

Incrementar a experiência com o cliente também aparece como um dos objetivos dos maiores anunciantes do País para o ano. Para conseguir isso, a Sky, por exemplo, irá reforçar o seu posicionamento como especialista em entretenimento. “No Sky Play, vamos continuar amplificando e otimizando a experiência dos assinantes”, detalha Alex Rocco, diretor de marketing da Sky. Recentemente, a Sky disponibilizou a plataforma no mobile e o acesso à 10 canais ao vivo via streaming. “O assinante pode acessar, de qualquer lugar, um acervo com mais de quatro mil títulos divididos entre filmes e séries, além do conteúdo ao vivo dos canais AXN, Band, Band News, Discovery Home&Health, Discovery Kids, ESPN, HBO, Nickelodeon, Paramount e Warner Channel”, diz. No Sky Pré-Pago, lançou, em abril, 23 opções de recarga, voltadas para todos os gostos para uma adaptação maior à realidade dos consumidores. “Agora é possível que o cliente pré-pago recarregue pacotes de programação que tenham a partir de três dias de duração, de acordo com o que ele deseja e pode pagar”, detalha.

Já o Itaú iniciou 2019 apresentando um novo momento da marca, conta Eduardo Tracanella, diretor de marketing Institucional e atacado do Itaú Unibanco.“Reforçando a centralidade no cliente e a necessidade de se comunicar com o público de maneira mais alinhada com o momento atual da sociedade, em transformação”, explica. Tracanella acrescenta que, durante todo o ano, o objetivo é focar no que o cliente busca e, principalmente, em garantir a satisfação com os produtos, serviços e atendimento oferecidos pelo banco. “Acreditamos que podemos ser um facilitador e trabalhamos para isso. Essa estratégia visa elevar o Itaú a um novo patamar, o que é chamado internamente de Mudar de Liga, e ser comparado às melhores empresas do mundo em satisfação de clientes”, fala.

A Marabraz também investirá em projetos de melhoria de relacionamento com os clientes, com ações de CRM, avaliação de atendimento e treinamento interno dos vendedores. “Também está previsto a abertura de novas unidades no estado de São Paulo, mantendo a confiança de melhora no varejo e para o País com o novo governo”, diz Beto Coimbra, gerente de marketing da Marabraz. O tema incremento de experiência com o cliente também aparece entre as metas da Claro para o ano. Em um mercado que classifica como competitivo, a operadora acredita que uma experiência diferenciada, com inovação, aponta o caminho para sair na frente. A empresa quer este ano seguir focando na oferta de serviços convergentes, apresentando vantagens exclusivas para quem contrata uma solução completa. Aprimorar a jornada do consumidor também é a meta do GPA. O grupo vem atuando em um incremento da experiência omnichannel do cliente, para melhorar a jornada de compra.

Publicidade